SEMANA DO CIRCO - DIADEMA 2018

Para lembrar o Dia do Circo, comemorado em 27 de março, Diadema realizará quatro dias de eventos com apresentações de espetáculos, vivências, exposições e oficinas. A “Semana do Circo” acontecerá de 24 a 27 de março, em dois locais da cidade: Praça da Moça e CEU das Artes. 

O Dia do Circo foi criado para homenagear o palhaço Piolim, um dos maiores artistas brasileiros. Quem comparecer aos espetáculos poderá assistir números de malabares, trapézio, mágicas, palhaços, acrobacias em cama elástica, tecido, lira dupla e contorcionismo, entre outros.

Toda a programação do evento é gratuita.  Visando facilitar o acesso do público aos espetáculos serão distribuídos 6.000 ingressos, sendo que parte deles vão para estudantes, entre  6 e 10 anos, da rede municipal de ensino, participantes do projeto Cidade na Escola. Outra parte será entregue ao público em geral, que deve retirar os ingressos nos locais das apresentações, com até 1 hora de antecedência.  

 

A realização da “Semana do Circo” é uma parceria entre a Secretaria Municipal de Cultura e o Programa Circo Escola Diadema, que trabalha formação e difusão das artes circenses. Ela também marca o início de dois projetos no Município: “Cultura na Cidade”, patrocinada pela Prefeitura, que busca levar ações de música, dança, teatro, entre outras para os bairros, e o projeto “Mini Circo”, do Circo Escola, que foi contemplado com verba da Lei Rouanet. 

Ambas iniciativas são itinerantes e vão atuar de maneira conjunta. O “Mini Circo” consiste na realização de espetáculos sob lona, de 10 metros de diâmetro, com apresentação de bonecos, números circenses e interação com o público. O lançamento do projeto será no próximo dia 25 de março, às 10h, no CEU das Artes, no Jardim União. Depois, virá uma série de nove apresentações circenses em outros locais de Diadema. 

Para o secretário de Cultura Eduardo Minas as ações circenses são uma homenagem aos artistas do picadeiro, mas também uma maneira de levar lazer e conhecimentos aos moradores de Diadema. “O nosso intuito é facilitar o contato da população com as artes em geral. Esses tipos de eventos são uma forma de despertar o interesse pela cultura e garantir o seu acesso a todos”, ressalta.   

Também compartilha da opinião a coordenadora do Circo Escola, Viviane Tápia. Para ela, lembrar a data é difundir a cultura circense é não deixar que o circo desapareça. “Queremos levar o circo para todos, compartilhar os benefícios e o conhecimento que esse tipo de arte proporciona e, além de tudo, disseminar o prazer de não ser somente espectador, mas o próprio artista de circo”, diz. 

Também haverá a performance da Companhia de Danças de Diadema, com apresentação da coreografia ”A Mão do Meio – Sinfonia Lúdica”, apresentação da Lira Jazz Diadema, exposição das obras da artista plástica Zhena, cortejo de artistas saindo da Praça Lauro Michels e o espetáculo “Mulheres Circense”, só com pessoas do gênero feminino. É uma homenagem ao Dia da Mulher, também lembrado no mês de março.
 

Al Nhambiquaras, 1770, Indianópolis - São Paulo | CNPJ 12.992.010/0001-30

© 2018 por Instituto Socioambiental Cenários Futuros.

Todos os direitos reservados